Arquivo da tag: Psicologia

O enfoque circular

O enfoque circular é considerado hoje um dos métodos de aprendizagem mais inovadores. Está baseado na comunicação por meio de círculos, workshops e mesas redondas, incluindo atividades interativas entre os participantes. Continue lendo O enfoque circular

O voluntariado como fator de conexão social

Uma nova pesquisa publicada pela Associação Americana de Psicologia mostra que o voluntariado tem um impacto significativo na longevidade, desde que as razões para o realizar sejam ajudar os demais ao invés de si mesmos. Segundo os estudos realizados, pessoas que se voluntariam podem viver mais tempo do que aquelas que não o fazem, desde que as suas razões para o voluntariado sejam em benefício dos outros em vez de si mesmos.

Continue lendo O voluntariado como fator de conexão social

A comunicação “cara a cara” ajuda prevenir a depressão

“Vivendo no mundo, vivemos com os outros e para os outros e orientamos nossas vidas em direção a eles. Ao vivenciá-los, nos juntando a eles numa atividade e em um trabalho comum, os influenciamos e recebemos, por nossa vez, sua influência, entendendo o comportamento dos outros e supondo que eles entendam o nosso.” Alfred Schütz

Continue lendo A comunicação “cara a cara” ajuda prevenir a depressão

O casamento é bom para a saúde

É amplamente conhecido que o casamento, como estado civil, está atravessando uma profunda crise em nível mundial. A modernidade adotou novas formas de convivência – de acordo com as diferentes necessidades conjugais do século 21 – e nem todas elas favorecem o matrimônio. No entanto, na área da saúde, estudos recentes especulam que o casamento poderá proporcionar um apoio social que permite às pessoas gerenciar melhor sua saúde e seus níveis de estresse. Continue lendo O casamento é bom para a saúde

Somos mais felizes quando investimos nos outros

Desde que adquirimos memória, estamos em uma busca constante pela felicidade. Esta busca nos leva a transitar por todas as formas possíveis para satisfazer os nossos desejos básicos e também outros não tão básicos como riqueza, fama, honra ou poder. Além disso, somos influenciados pela informação em um mundo capitalista e que nos oferece produtos de vários tipos “para sermos felizes”. Ao não ser possível obter tudo o que desejamos,  a insatisfação, de certa forma, nos aproxima da depressão ou da angustia e isso nos afasta da felicidade tão desejada. No entanto, essas necessidades advêm de uma sensação egoísta, individualista, de receber para nós mesmos.

Continue lendo Somos mais felizes quando investimos nos outros

Superar as adversidades através do apoio mútuo

A vida é tão imprevisível que fica impossível controlar tudo o que acontece ao nosso redor. Eventualmente, passamos por uma série de sucessos em que podemos nos sentir como numa montanha russa; entre subidas e quedas. Devido a isso, surgem perguntas que necessitamos responder para continuar a viver: quais são os fatores que permitem adaptarmo-nos a estas mudanças? Como algumas pessoas podem consegui-la e outras não?

Continue lendo Superar as adversidades através do apoio mútuo