Arquivo da categoria: Adolescentes

Unidade na diferença

Antigamente, quando se dizia: “essa criança é muito inteligente” todos entendiam que se falava da habilidade para aprender, memorizar e obter boas notas na escola. Esta compreensão simples da inteligência causou muito dano. As meninas e meninos que não tinham essa habilidade eram mal qualificados, mas muitas delas poderiam  apresentar competências para serem grandes músicos, atletas fortes, magníficos bailarinos, bons nadadores…

Continue lendo Unidade na diferença

A educação emocional favorece relações sociais positivas

As escolas desempenham um papel fundamental  na tentativa de dar às crianças a oportunidade de adquirir uma maior consciência social e emocional,  propiciando o desenvolvimento de habilidades interpessoais na medida em que as experimentam.

Continue lendo A educação emocional favorece relações sociais positivas

A importância da conexão entre tias e sobrinhos

A cada dia, vemos algumas mulheres que por várias razões não se casam e nem têm filhos, no entanto, nem por isso deixam de lado o seu instinto maternal, pois muitas delas se tornam tias e ganham vital importância na vida de seus sobrinhos.

Continue lendo A importância da conexão entre tias e sobrinhos

A música fortalece os laços sociais

Sem dúvida a música desempenhou um papel primordial na evolução humana. Não é de se estranhar o fato de que a música esteja relacionada com a capacidade que o ser humano tem de se relacionar com outras pessoas, criando um ambiente de confiança física e psicológica, afinidade e cooperação, promovendo o contado com os demais e fortalecendo os laços sociais.

Continue lendo A música fortalece os laços sociais

A compreensão e a escuta como desafios educativos do século XXI

Eu me torno você, sem deixar de ser eu mesmo.”

Edgar Morin

Entre as capacidades inatas do ser humano se encontra a de compreender. O homem cria, inventa, elabora e propõe quando é capaz de compreender o mundo que o rodeia. E se ele pode manifestar estas ações é porque pode apreendê-las. Quando os profissionais da educação são incapazes de dar espaço à participação dos alunos, eles perdem o interesse e o que aprendem tende a ser esquecido. Hoje, é fundamental uma mudança na abordagem do ensino, um ensino que se proponha a desenvolver a habilidade de ser compreensivo. Algo que possa ser desenvolvido em idade escolar, em que a escuta integre o desenvolvimento áulico.

Continue lendo A compreensão e a escuta como desafios educativos do século XXI