A cooperação mútua é a base de uma sociedade integral

Nós, os seres humanos, temos evoluído através da colaboração; o que nos levou a criar sociedades. Hoje, podemos dizer que nenhuma sociedade permanece isolada senão que  todas, apesar das diferenças e particularidades, constituem uma sociedade global. Vivemos em um mundo de conexão total, e todas as sociedades se afetam reciprocamente. Se prestarmos atenção a esta conexão em rede, podemos ver de uma forma ou de outra, que todas as nossas ações estão interligadas e podem ter efeitos positivos ou negativos de acordo com as atitudes que se manifestam em nossas ações.

La-colaboración-mutua-es-la-base-de-una-sociedad-integral-672x372

Procurando explicações sobre a evolução da colaboração, os pesquisadores da Universidade de Braunschweig (Alemanha) usaram a configuração da fila do caixa de um supermercado para conhecer a evolução do comportamento cooperativo em seres humanos. Os resultados mostraram que os potenciais “parceiros” são definidos na forma como como se apresenta a pessoa com quem colaboram: “é mais provável atingir seu objetivo se você levar uma garrafa de água na mão do que se a compra é cerveja (bebedores de cerveja são classificados como irresponsáveis e com falta de personalidade, como foi confirmado em estudos anteriores e assim a disposição de  ajudar é reduzida)”. Além disso, aparentemente atuam através do mecanismo de reciprocidade indireta, isto é, “colaboram com os indivíduos que consideram dispostos a ajudar, sem  mediar uma ação altruísta que os beneficie”.
A evolução da colaboração entre as pessoas é anacrônica, pois em uma sociedade global na qual cada ação do sistema provoca efeitos em cada um de nós, sendo egoísta em um fluxo sistêmico natural (altruísta), a situação pode entrar em colapso. Nós encontramos muitos exemplos dessas ações nas áreas da ecologia, climática, ambiental, etc. Devemos estar cientes das ações que tomamos, nós não podemos apenas “avaliar” o que nós percebemos porque não podemos compreender o todo da realidade. Somado a isso, vemos o estado competitivo de hoje na vida diária, o que mostra muitos lados de comportamentos destrutivos que causam mais separação e divisão que boas conexões em interações humanas. No entanto, estas situações nos dirigem a focar claramente onde nós precisamos ir se queremos beneficiar a nós, e também beneficiar a sociedade. Os benefícios chave para compreender a importância da colaboração mútua para qualquer sociedade provém de uma educação adequada integral.
A educação integral promove a conexão correta com os outros, exemplificadas por modelos de inter-relações da natureza que temos com tudo e todos. Na natureza, encontramos vários sistemas interligados naturais do planeta, cada elemento natural por mais elementar que seja se mostra único e distinto, mas por sua vez está interligado com todo o sistema complexo para desempenhar um papel essencial  dentro do sistema. Os seres humanos geralmente precisam tomar esses exemplos se desejamos construir uma boa sociedade futura na qual possamos viver sob os princípios do apoio mútuo. Nós não precisamos ser idênticos, mas complementares, apoiando mais e competindo menos, ser mais compassivos e menos violentos, em última análise, tratar os outros como gostaríamos de ser tratados. Essas atitudes não são muito viáveis em um mundo competitivo, no entanto, construindo juntos um ambiente adequado a integridade do mundo será visível e vamos testemunhar que a crise pode ser superada na nossa vida diária, a partir da fundação da cooperação mútua.
Referências :

 http://humanidadintegrada.org/sitio/2015/01/la-cooperacion-nos-permite-evolucionar/

http://www.diariodeavisos.com/2015/11/competitividad/

http://www.investigacionyciencia.es/noticias/cooperacin-selectiva-en-el-supermercado-13665