A música fortalece os laços sociais

Sem dúvida a música desempenhou um papel primordial na evolução humana. Não é de se estranhar o fato de que a música esteja relacionada com a capacidade que o ser humano tem de se relacionar com outras pessoas, criando um ambiente de confiança física e psicológica, afinidade e cooperação, promovendo o contado com os demais e fortalecendo os laços sociais.

Continue lendo A música fortalece os laços sociais

O altruísmo melhora a saúde

A saúde é o equilíbrio entre mente, corpo e ambiente. Apreciada por todas as sociedades e culturas, é um meio indispensável para se obter qualidade de vida, e portanto, é a etapa mais importante de nossa existência. Atualmente, porém, vemos que nossa saúde não vai bem e precisamos recorrer a métodos e fórmulas para recuperá-la. Aqui é onde o altruísmo aparece, que se refere a zelar pelo bem-estar dos demais, e nos orienta sobre como adquirir uma nova perspectiva que nos motive a ajudar-nos uns aos outros e manter nossa saúde de forma integral em nossa vida diária.

Continue lendo O altruísmo melhora a saúde

Melhorar a conexão: uma estratégia para abordar as enfermidades crônicas

“Há muito que pode ser alcançado quando trabalhamos juntos.”Dr. Robin L. Brey
Atualmente, o modo de vida agitado e desconectado das pessoas não considera que a saúde em geral depende muito do ambiente em que vivemos e as conexões que estabelecemos. Uma vez que não estamos atentos  aos outros, é difícil perceber que algo está errado com a saúde de um membro da família, de um ser querido ou de alguém de nosso entorno, até que nos deparamos com diagnósticos inesperados, e muitas vezes devastadores. Não falamos apenas de doenças bacterianas ou virais que atacam o organismo, mas também do tipo emocional, que afeta nossa biologia, tornando-se nociva. Na verdade, quando a pessoa se dá conta que tem uma doença crônica pode tornar-se deprimida ou estressada, resultando em um “círculo vicioso” possibilitando que a doença se torne crônica. Algumas pesquisas mencionam que o estresse e a depressão são “doenças desta geração”, pois em tempos passados a vida era mais tranquila e o contato entre as pessoas, mais frequentes e cálidos. Agora vemos que há uma mudança em nossas conexões e relacionamentos, o que afeta diretamente a nossa saúde. 

Continue lendo Melhorar a conexão: uma estratégia para abordar as enfermidades crônicas

Conexão social: Uma necessidade para nossa sobrevivência

A natureza hoje nos coloca em uma condição nova e inclusiva, essencial para nossa sobrevivência: a conexão social. Os seres humano encontram-se cada vez mais conectados ao mundo social que, por sua vez, os tornam mais dependentes uns dos outros. Isto explica porque nossa disposição em socializar pode expandir a nossa necessidade de interagir por meio das redes sociais. Isto pode ser constatado no crescente número de pesquisas que equiparam a necessidade de conexão social com as necessidades básicas como comida e habitação. Da mesma forma, os mamíferos se conectam mais socialmente que os répteis, os primatas mais que outros mamíferos e os humanos mais que outros primatas.

Continue lendo Conexão social: Uma necessidade para nossa sobrevivência

Os trabalhadores mais felizes são os mais produtivos

Muito tempo da vida de uma pessoa é investido no trabalho. Dependendo do ambiente profissional e das relações que estabelecemos com os colegas, podemos observar se somos felizes no lugar onde trabalhamos. E se somos, esta empresa ou  organização definitivamente é mais produtiva do que aquela com trabalhadores descontentes.

Continue lendo Os trabalhadores mais felizes são os mais produtivos

As ações mais bem sucedidas são as que contribuem para o bem comum

O consultor e analista chileno Gerardo Wijnant sustenta, em seu artigo “Para uma economia do bem comum e com um rosto humano, que a cada dia e de maneira intensa as empresas e organizações estão enfrentando uma forte crise de credibilidade e confiança. Ele ressalta que o descrédito é um fato real, não o produto de uma mente maquiavélica, mas o resultado da falta de ética na forma de atuar, ao não se prestar atenção a uma sociedade que deseja transparência e coerência entre o que diz e o que faz.  

Continue lendo As ações mais bem sucedidas são as que contribuem para o bem comum