Os abraços promovem a harmonia social e o bem estar individual

O impacto positivo das manifestações de afeto e carinho através de abraços é motivo de investigação para os cientistas. Os investigadores Sheldon Cohen y Robert Doherty de la Universidad Carnegie Mellon (CMU) na Pensilvânia (EUA) provaram que os abraços atuam como uma forma de apoio social, já que eles frequentemente protegem a pessoas do aumento de suscetibilidades às infecções associadas ao estresse, gerando também um risco significativamente mais baixo de manifestarem-se sintomas de enfermidades vinculadas ao mesmo. Continue lendo Os abraços promovem a harmonia social e o bem estar individual

A cooperação como meio para elevar nossa condição humana

Talvez o aspecto mais destacável da evolução

seja a sua capacidade de gerar cooperação em um mundo competitivo”

Martin Nowak

O homem moderno é resultado da seleção natural realizada ao longo da evolução. A superação dos diferentes eventos históricos, os quais o ser humano precisou atravessar, tem sua força na coesão social de uma comunidade, e seu progresso depende da necessidade mútua dos seus integrantes. Isto sugere que a cooperação entre eles, e não a competição, é o ingrediente fundamental para tal progresso. Martin Nowak, biólogo e matemático da Universidade de Harvard, sustenta este princípio como fundamento das grandes inovações ao longo do tempo; mais do que isso, o considera decisivo na humanidade. Continue lendo A cooperação como meio para elevar nossa condição humana

Uma sociedade colaborativa é mais feliz que uma competitiva

Como cidadãos da sociedade atual, nos damos conta de que não podemos continuar em uma luta pela sobrevivência do mais forte, mas que necessitamos de uma sociedade menos competitiva e mais colaborativa. Devido à crise, começamos a observar que temos que mudar a visão distorcida por uma que nos permita focar melhor e que seja boa para todos. Definitivamente, uma sociedade colaborativa é mais feliz que uma sociedade competitiva. Esta colaboração pode ser definida como solidariedade, ou seja, pensar nos outros, ajudar-nos e cooperar entre nós. Continue lendo Uma sociedade colaborativa é mais feliz que uma competitiva

Os efeitos positivos de compartilhar experiências emocionais

Todos nós, como seres sociais, sentimos uma forte tendência em compartilhar nossas experiências com os outros. Um estudo realizado pelo pesquisador Ullrich Wagner e seus colaboradores constatou que as pessoas estão mais propensas a se recuperarem melhor de uma situação emocional complexa em companhia dos amigos, do que quando estão sozinhas. Continue lendo Os efeitos positivos de compartilhar experiências emocionais

A generosidade fomenta a conexão social e beneficia quem a exerce

Transformar as boas ações em bons sentimentos, e como estes sentimentos podem nos fazer mais felizes fomentando a conexão social foi o tema central de uma pesquisa desenvolvida por Lara Aknin da Universidade canadense Simon Fraser (SFU). A partir deste trabalho, pela primeira vez se apuraram dados sobre como a conexão social ajuda a converter o comportamento generoso em sensações positivas para quem pratica uma ação de generosidade.
Continue lendo A generosidade fomenta a conexão social e beneficia quem a exerce

Cooperação e apoio mútuo após conflitos intergrupais

Nossa história evolutiva descreve que foram múltiplos e diversos os conflitos entre diversos grupos ao longo dos séculos. O Instituto para a Economia e a Paz (IEP) conseguiu quantificar os atos de conflito entre grupos em nível mundial, e as estatísticas não são alentadoras quanto ao aumento dos mesmos e a possibilidade de repetição. Esta situação não é nova para o ser humano, existiu em todas as sociedades e há provas de que sociedades caçadoras-recoletoras estiveram envolvidas em guerras e assassinatos em massa. Continue lendo Cooperação e apoio mútuo após conflitos intergrupais